Dermatilomania ou Skin Picking - O que é ?


Oi pessoal, tudo bem com vocês ?
Bom, quem me acompanha sabe que estou um tanto sumida né ? Apareço de vez em quando, sumo por um longo período, mas porquê ?


Tem sido uma fase difícil na minha vida, muito trabalho, cabeça cheia e alma vazia. Isso não é bom.
Mas enfim, tudo tem melhorado aos poucos, voltei com a medicação, mas antes disso descobri um novo transtorno. O Skin Picking.

Para quem não sabe, o Skin Picking também tem sido denominado Dermatotilexomania ou ainda Dermatilomania e conhecido pela maioria das pessoas como “mania de cutucar a pele”.
(dermato = pele, tillexis = picar algo, mania = preocupação obsessiva com algo)

        Dermatilomania é um transtorno que pode ser classificado como uma “compulsão ou dificuldade de resistir ao impulso de causar ou agravar lesões à própria pele (coçar, arranhar, picar), usando para tal as unhas ou outros objetos. O transtorno é caracterizado pela repetição crônica de coçar, tocar, cutucar, arranhar, furar ou escoriar determinadas regiões da pele, de modo tão intensivo ou repetitivo que acaba provocando o aparecimento de feridas, cicatrizes ou mudanças na pigmentação da pele.
             O Picking pode ser uma doença isolada, mas também pode ser um sintoma de outras doenças, como: doenças dermatológicas, doenças auto-imunes, Transtorno Dismórfico Corporal, Transtorno Obsessivo-Compulsivo, sintomas de abstinência de drogas opióides, Autismo, automutilação no Transtorno de Personalidade Bouderline ou Psicoses.

No meu caso, o Skin Picking é proveniente da TAG - Transtorno da Ansiedade Generalizada, eu sempre tive o Picking desde muito nova, sempre tive mania de 'cutucar' as pessoas da família, como minha pele não produzia muita acne nunca senti na pele (literalmente) os efeitos desse transtorno.

Acontece que no começo do ano eu acabei trocando de anti concepcional por orientação médica, eu usava o Diane 35 e o médico achou que era muito forte e me indicou um mais fraco - Nactali- , o problema é que por ser mais fraco não segurou a acne e começaram a sair váriaaaas espinhas e cravinhos no meu rosto, foi terrível, pois aconteceu como uma explosão hormonal dentro de mim, juntou a depressão, a ansiedade e com ela o Skin Picking.

Confesso que não foi fácil, o remédio que eu tomava para ansiedade (Léptico) já não fazia mais efeito e me vi num poço sem fundo, perdida dentro de mim e para piorar com o rosto todo horrível. Engordei ~muito~, não queria sair de casa e muito menos sair em fotos, não queria que ninguém me visse naquele estado, foi triste e bem solitário. Além de você se sentir horrível por dentro, você também se olha no espelho e vê que está horrível por fora !




Foi aí que minha família se uniu para me dar forças, me convenceram a ir na Psicóloga que eu acho que é uma atitude de imensa prioridade ! Conversar com alguém, expor os problemas, ajuda muito ! Comecei também a tomar o Escitalopram, que foi muito bom e sem efeitos colaterais, voltei com o anti concepcional mais forte para poder segurar a acne e passei cerca de 40 dias sofrendo, na pele, as consequências da TAG. Mas com muita força que recebi da minha família e do meu marido, consegui passar por tudo e agora já estou bem melhor !!!
Vou contar mais sobre algumas dicas de como passar por esta fase, mas fica para outro post, este aqui já esta grande demais e talvez ninguém tenha lido tudo, rsrs. Se você leu, agradeço muito sua atenção e espero que se você estiver passando por isso, tenha forças para controlar este transtorno  

Até o próximo post, beijos :*


Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Início
 
Nath Ferraz - 2015. Todos os direitos reservados ©
Imagens por Freepik | Powered by Blogger