Conto : Venha Ver o Pôr-do-Sol

Resumo “Venha Ver o Pôr-do-Sol e Outros Contos” de Lygia Fagundes Telles.
A escritora brasileira Lygia Fagundes Telles é sem dúvida é um dos maiores nomes da nossa literatura. Membro da Academia Brasileira de Letras, ela já recebeu o importante Prêmio Camões e suas obras possuem muitas adaptações na televisão e no cinema.
O conto está inserido no livro Antes do Baile Verde, publicado em 1970, pela extinta Bloch, do Rio deJaneiro, e aborda a história de Raquel e seu encontro em um cemitério abandonado com seu ex-namorado
Ricardo, o qual ela trocou por um mais rico. Juntos eles se aprofundam cada vez mais no velho cemitério e por mais que Raquel peça para que ele desista da ideia, Ricardo quer chegar ao túmulo de sua suposta família. No caminho os dois mantêm uma conversa nostálgica e mórbida ao mesmo tempo, Ricardo diz a Raquel que no jazigo está enterrado uma prima em que ele tinha uma certa afinidade quando criança, está prima viria a falecer com 15 anos, até que finalmente chegam ao jazigo. Lá Ricardo resolve mostrar à Raquel o retrato de uma prima que morreu muito jovem e que segundo ele tinha os olhos de Raquel. Quando Raquel observa a imagem, percebe em sua escritura que diz que a suposta prima de Ricardo havia falecido um século atrás, quando Raquel vira para discutir com o Ricardo pela mentira por ele contada, percebe que o mesmo não se encontra mais ali, agora estava do lado de fora do jazigo, Ricardo acaba a trancando no jazigo, o qual foi um crime premeditado pois ele havia renovado a fechadura do local. A história acaba trágica e romântica ao mesmo tempo.
Ricardo, o qual ela trocou por um mais rico. Juntos eles se aprofundam cada vez mais no velho cemitério e por mais que Raquel peça para que ele desista da ideia, Ricardo quer chegar ao túmulo de sua suposta família. No caminho os dois mantêm uma conversa nostálgica e mórbida ao mesmo tempo, Ricardo diz a Raquel que no jazigo está enterrado uma prima em que ele tinha uma certa afinidade quando criança, está prima viria a falecer com 15 anos, até que finalmente chegam ao jazigo. Lá Ricardo resolve mostrar à Raquel o retrato de uma prima que morreu muito jovem e que segundo ele tinha os olhos de Raquel. Quando Raquel observa a imagem, percebe em sua escritura que diz que a suposta prima de Ricardo havia falecido um século atrás, quando Raquel vira para discutir com o Ricardo pela mentira por ele contada, percebe que o mesmo não se encontra mais ali, agora estava do lado de fora do jazigo, Ricardo acaba a trancando no jazigo, o qual foi um crime premeditado pois ele havia renovado a fechadura do local. A história acaba trágica e romântica ao mesmo tempo.



Alguns alunos do CMI - Mococa fizeram um vídeo resumido sobre o conto, confiram : 



E aí, curtiram ?
Bjks :*


10 comentários

  1. Eu já fui muito viciada em contos
    esse parece ser muito bom e dramático, ótima resenha

    http://morenaemoderna.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eu nao era muito de ler,agora que estou me dedicando mais a essa arte de leituraé muito bom,esse dá parece ótimo,vou anotar esse livro como uma dica de leitura.Bjo!
    www.mulherunika.com

    ResponderExcluir
  3. Umas das coisas que gosto de ler são contos.
    Amei esse <3
    Beijos
    http://nadadecontodefadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. É ótimo esse! Adorei o post.
    www.espacegirl.com

    ResponderExcluir
  5. Ah, eu estudei esse conto no primeiro semestre da faculdade.
    Gostei muito desse conto.
    Nossa, como ele é intenso e forte.
    Bem aquilo..."Se não é meu não vai ser demais ninguém" hehehe Que horror!
    Mas eu achei a menina meio ingenua de ir encontrar o ex em um lugar isolado. Ela nem tinha que ter ido, né?! Sendo que ela tinha um namorado!
    Será que ela conseguiu sair? Ou Morreu lá?
    Que plano macabro que esse rapaz tinha né?! De ir lá antes, trocar a fechadura e atrair a menina p/ lá hehehe.
    Beijinhos ♥ ♥

    Pink CupCake | Fanpage

    ResponderExcluir

Início
 
Nath Ferraz - 2015. Todos os direitos reservados ©
Imagens por Freepik | Powered by Blogger